Casamento em locais abertos – Cuidados necessários para garantir a beleza da cerimônia

0044-ONE-RAISA-E-FABIO-Sávio-Heringer

Casamentos em locais abertos são a tendência do momento. Seja na praia, em campos ou fazendas, é cada vez maior o número de casais que optam em celebrar o grande dia desfrutando de um contato maior com a natureza. Mas, segundo os especialistas em produção audiovisual de festas da One Nice Experience, Francisco Campinho e Léo Santos, esse tipo de cerimônia exige uma série de cuidados práticos e preventivos.

A responsabilidade de garantir o sucesso de uma festa, seja ela casamento aniversário ou evento, é sempre muito grande, pois se trata da realização do sonho das pessoas envolvidas. Por isso, Campinho ressalta a importância de uma estratégia pensada minuciosamente, quando a opção é por realizar a festa ao ar livre.

“Muitas vezes nós temos que garantir a beleza da festa em três momentos: no dia, no pôr-do-sol e à noite. Tem que ser um trabalho muito minucioso, pois quando o cliente chega tem a luz do sol, que permite a valorização do espaço como um todo, mas conforme vai escurecendo tem que manter os detalhes que podem ficar defasados com a redução da luz. Essa transição de luz tem que ser natural aos olhos dos convidados e deve ser valorizada pra que o ambiente à noite continue com a mesma beleza”, explicou.

Outra preocupação, segundo Campinho, é garantir que a riqueza natural do ambiente seja evidenciada. “Quem escolhe casar em local aberto se encanta com a natureza, então ela tem que ser valorizada durante a festa. É importante que elementos como vegetação, piscina, e árvores grandes, por exemplo, sejam iluminados. Assim, a ideia inicial é manter iluminação acesa desde o inicio, com cordão de lâmpadas e lâmpadas de filamento. Elas são bonitas durante o dia e à noite”, indicou.

Ainda sobre os espaços cobertos, o produtor audiovisual Léo Santos alerta para outro detalhe que merece atenção: a infraestrutura de energia do local. “Em um cerimonial, o local já foi preparado pra esse tipo de evento. Quando é fazenda, praia ou local distante recomenda-se uso de gerador. Além disso, é preciso tomar cuidado com a distribuição do cabeamento, pra não ficar fio o chão e evitar acidentes”, disse.

Para ele, desenvolver projetos para eventos em locais abertos é um desafio maior tanto em termos artísticos, quanto em termos técnicos. “O casamento em local aberto é um desafio maior pra montagem cênica. Valorizar o natural, o externo. Não perder essa beleza. E é igualmente desafiador para a parte técnica, que precisa encontrar saídas para criar uma estrutura de energia que não há disponível. Sem queimar, tomar choque ou deixar feio e mal acabado”, ressaltou.

Deixe uma resposta